O CONTEÚDO SURPREENDEU, MAS A CAPA...

Parece que a MK não para mesmo... Não para de fazer burradas com seu cast de artistas.

A Léa Mendonça lançou ontem, dia 19, o seu vídeo preview e como era de se esperar, as canções surpreenderam na qualidade vocal e na volta da Lea as suas origens da adoração pentecostal.

Esse novo CD, "Adoração na Guerra", está mais para uma nova versão do aclamado e desejado "Louvor Profético", onde a Léa volta causando e bradando profeticamente em suas belíssimas interpretações e seus maravilhosos gritos de "aleluia" e "glórias a Deus". Quem sentiu falta disso? rsrs 

A música "Vem coisa nova por aí" já é marcada como o single do novo álbum, além de "Soldado Ferido" e "Não deixe nenhum dos meus se perder", que prometem agitar os corais de jovens das Assembleias de Deus no Brasil. "Quando o inimigo sou eu" também é um cargo-chefe do CD! A produção ficou impecável.  

Entretanto, em meio a tantas surpresas e festejos pentecostais, mais uma vez, a MK rouba a cena e faz uma capa simplesmente capenga e sem nenhum atrativo. 

Mas gente... Que fotos são essas??? E esse photoshop mal feito na cara da Léa?!! Pelo amor da igreja! Em plena metade de 2017, a Dona Yvelise ainda não contratou alguém com uma especialização nessa área? Depois quanto os cantores deixam a gravadora, eles não entendem.... tsc, tsc... Oremos.

E vocês? O que acharam do repertório e da capa? Comentem vasos!!!

CLIQUE AQUI PARA OUVIR AS PRÉVIAS.

BOMBA: ALINE BARROS DEIXA A MK MUSIC E ASSINA COM A SONY MUSIC GOSPEL

As previsões que o Gospel Amargo sobre uma futura saída da Aline Barros da gravadora MK Music, com seu último CD lançado "Acenda a sua luz", se concretizou, enfim, para agonia de muitos fãs.

A artista gospel de maior destaque brasileiro anunciou por meio de um live no facebook (transmissão em um evento na Sony), que a partir de hoje, a sua nova casa é a Sony Music Gospel.

Segundo as nossas fontes, as negociações já vinham acontecendo desde 2015 e o fato se intensificou no início de 2017, através de conversas, encontros e jantares especiais com a presença do diretor geral, Maurício Soares e outros produtores. 

A notícia caiu como uma bomba para Dona Yvelise que, sem dúvida, não gostou nadinha da mudança repentina, pois a Aline era a cantora mais rentável da gravadora.

Como falamos na postagem da análise do "Acenda a sua luz", era mais que visível o encerramento da carreira da cantora na gravadora MK. Principalmente por ser um álbum tão simples e "fraco" no conteúdo. Situação que pode ser comparada a saída da Eyshila a algum tempo atrás.

Foram 13 anos de histórias, conquistas, grammys latinos, muitas crises, alegrias, cobranças e festinhas com os famosos bolinhos de laranja da vovó. Realmente, a Aline brilhou dentro da gravadora dos Oliveiras e agora, segue seu caminho, em uma das empresas mais bem-sucedidas do mundo. 

No evento transmitido pelo facebook oficial da Aline Barros, a cantora se emocionou bastante e falou que um novo tempo estaria chegando em sua vida e todo aquele blábláblá de "renovação" e agradecimentos a sua equipe, que agora não é mais. 

"Tudo tem um tempo determinado por Deus para acontecer na nossa vida. As coisas acontecem não fora do tempo, mas no tempo certo, na hora certa e no momento certo. E eu tenho certeza, eu estou convicta que chegou esse tempo para que a gente possa caminhar juntos, para a gente possa romper, para que a gente possa conquistar. Meu coração está explodindo de alegria...", disse a rainha dos "raleluias" diante de muita gente. 

"E agora José"? O que será que vai acontecer? Vamos aguardar mais informações.

Clique aqui para ver o live. Em breve, mais informações!!!!

RESUMÃO: FERNANDA BRUM NO THE NOITE


E uma das entrevistas mais esperadas do ano saiu e adivinha? Em uma emissora aberta! Nas redes sociais só víamos os brumzetes desesperados e murmurando por esse dia. A agonia e as expectativas eram gigantes. 

A cantora Fernanda Brum esteve ontem (14/07) no programa The Noite com Danilo Gentili, no SBT, realizando um entrevista de 26 minutos fechados e no final, cantou uma de suas famosas canções. 

A entrevista foi um mesclado de tudo. Foi marcada por declarações de amor ao Emerson Pinheiro, pirraça, erros, como por exemplo, a cantora se esquecendo de uma letra de composições próprias em pleno cenário nacional... Que mico hein Fernanda?! Risos gospel [é gospel, é de deus]. Mas também, encontramos boas opiniões e alguns tópicos relevantes, como suas ações com a Igreja Perseguida e sobre o tema polêmico "aborto".  

O Danilo Gentili a todo momento perguntava acerca do seu ministério como cantora e pastora, colocando vídeos rápidos com os clipes e produções da artista mktreira... a Fernanda, é claro, se sentiu em casa e bem a vontade pra falar o que pensava. No início, o apresentador a questionou sobre o lançamento do CD/DVD "Da Eternidade" e rapidinho, a cantora aproveitou para fazer seu velho "merchan abençoado" do novo álbum, "Som da minha vida", que já está sendo gravado em estúdio (no de Roupa Nova). 

Debateu sobre seu chamado de "pastora", no qual, muita gente a criticava e até hoje ainda encontra-se com uma certa resistência de algumas denominações protestantes (mas qual será o porquê? seria apenas a denominação ou o próprio Apóstolo Paulo que falou sobre os desígnios da mulher na igreja? a bíblia estaria errada? rsrs). A cantora relatou de como foi as suas experiências ao ser diretora de um DVD internacional. Para quem não sabia, a Brum que dirigiu o "Da Eternidade" em Israel! Que manto hein?!

Assuntos sobre sua experiência de conversão aos 16 anos e quando ela entrou para a música gospel esteve na pauta do programa. A Fernanda afirmou que desde o início sofreu com críticas, tanto em estilo musical como suas vestes e isso é um dos pontos, no qual, a artista aborda em seu livro autobiográfico. O Roger, um dos integrantes do talk show do Gentili, perguntou qual o porquê de chamar música não-evangélica de "secular"? A Fernanda falou, falou e falou... E não disse nada!

A Brum comentou indiretamente que esteve na África semanas passadas, também trouxe a tona assuntos importantíssimos como o relato sobre a Igreja Perseguida ou Sofredora, onde ela sempre participa de projetos da Missão Mais e Portas Abertas, trazendo descrições sobre a Janela 10/40 e países em que o evangelho não pode ser propagado. Realmente, isso é um diferencial da "pastora" entre muitos cantores evangélicos que adoram apenas falar no "SEU MINISTÉRIO" (o certo seria "sua carreira", nesse caso...) e ponto final. É óbvio, a Fernanda Brum passa a frente em conteúdo notável.

No final, o Danilo apresentou ao público o livro "E foi assim" da cantora e a partir de então, ela mesmo revelou um dado que muita gente não sabia: O livro vendeu mais de 200 mil cópias. Um número realmente alto, pois no Brasil é bastante difícil chegar nesse patamar de vendas. 

Em geral, a entrevista foi boa, teve suas famosas "vergonhas alheias", mas a Brum sabe descontrair o papo e falar o que realmente interessa. Quem não assistiu, clica aqui. 

JOZYANNE LANÇA SEU LIVRO "UMA QUESTÃO DE FÉ"

Depois de ter lançado seu novo cd "Coragem", a Jozyanne inicia agora, sua fase como escritora e lança seu primeiro livro intitulado de "Uma questão de fé".

A obra, comercializada pela editora Central Gospel, terá como uma tema principal a superação da cantora em meio a uma doença que assombrou seu ministério e que também, trouxe um milagre para a sua vida. Pra quem não se lembra, a alguns anos, a Jozy foi diagnosticada com lupus, uma doença rara e que não tem cura. O tratamento consiste em diversas restrições alimentares e até sociais, onde por muito tempo, a penteca não pôde sair de casa e nem ter contato com o público. 

Mas tudo isso mudou, é claro! Pelo poder da fé, a Jozyanne foi curada e hoje é uma testemunha viva que milagres ainda existem. 

O livro tem uma capa simples e direta, apenas com a foto da cantora estampada e já é bastante aguardado pelo público. 

Dando algumas folheadas nas páginas (exclusivamente) de "Uma questão de fé", a forma da leitura da Jozy é semelhante ao estilo de leitura dos livros da Eyshila e da Fernanda Brum. Tem histórias interessantes do ministério como cantora, além de fortes testemunhos.

E aí? Vão comprar?! Vale a pena. 

A SINCERIDADE DE LÉA MENDONÇA


"Vem coisa nova por aí..." assim declara a cantora Lea Mendonça, entoando uma nova música, na qual, estará presente no seu mais novo cd "Adoração na Guerra" preparado para o segundo semestre do ano de 2017. Amém igreja?!!! 

Enfim, mas falando o que importa... Todo mundo já sabe que a Léa registrou a captação de vozes no seu novo álbum e também já realizou a audição nos estúdios da MK Music. Agora só falta a fábrica produzir os discos físicos e fazer sua devida distribuição nas lojas de todo Brasil.

Com jeito bem descontraído e sincero, a Lea aproveita o quadro "MK Não Para" e fala boas verdades "na cara" da sua chefa, Marina de Oliveira, que bota um sorrisinho amarelado ao ouvir as velhas indagações da nossa amada penteca. A Léa Mendonça, aproveita e diz frente as câmeras que "a Marina não é fácil não gente!? e se tiver algum errinho, a Marina lima tudo".

É. Ai se fosse apenas os "errinhos", as vendagens entram na história também. Se não vendeu, rua!!! Mas segundo a própria cantora, a Marina não "limou" nada do novo cd, ou seja, não queimou nada da junção "voz em estúdio + captação". Tudo ficou direitinho. 

O Rogerinho, produtor geral da obra, não falou muita coisa no vídeo e disse apenas que o repertório trará novidades interessantes, assim como a produção, é claro. Ok, embora ultimamente não tenha feito grandes trabalhos, a junção de Léa e Rogério Vieira sempre dar certo. Vamos aguardar e ver se dessa vez vai "pegar". 

#Oremos #MarinaNãoPara #LeaFalaMesmo 

FERNANDA BRUM GRAVANDO NO ESTÚDIO DE ROUPA NOVA

Depois de guerrear "Na Eternidade", a Fernanda Brum já prepara mais um álbum profético para o final do ano de 2017, com o título já definido.

"Som do minha vida" promete resgatar a antiga Fernanda que, por muitos anos se encontra desaparecida. De acordo com nossas fontes infiltrantes, o disco está sendo produzido com bastante cautela, pois trata-se de um repertório próprio e cheio daqueles "mantras espirituais" que só a Fê tem. Músicas de compositores conhecidos também estão inclusos no novo álbum, seguindo o mesmo modelo de todos os cds inéditos da "pastora".

As gravações estão acontecendo no estúdio do grupo Roupa Nova, conhecido por ser um dos melhores estúdios do Brasil, além de sempre "dar uma sorte" e um "pontapé" ao artista que grava por lá. Isso seria uma superstição ou benção?! rsrsrs

A Fernanda fez uma live no facebook, toda feliz e radiante, parecendo não acreditar que está gravando num estúdio tão chique e moderno. Amém né?! Espero que o Emerson traga algo realmente inédito, pois estamos cansados da mesmas coisas e das mesmas cópias... 

Posso ouvir um "aleluia" igreja???

Os varões de sentimentos mais aflorados e outros "afins" da Fernadinha, já estão super eufóricos por mais esse novo trabalho. #Oremos #PraFeBrumNãoPara

PERLLA ABANDONA CARREIRA GOSPEL E VOLTA PARA O FUNK!


Depois do retorno inesperado do cantor Felipão para a sua vida de artista secular, mais uma cantora que era do meio secular e que "se converteu", anunciou que deixará de cantar músicas religiosas e passará a se dedicar a sua antiga carreira, o funk pop. Sim. Isso mesmo que você leu. Bombástico? Estamos falando da "desaparecida" Perlla.

A notícia causou grande alvoroço nas redes sociais e muitos fãs do passado amaram o anúncio. A cantora fez questão de dar uma entrevista exclusiva ao Jornal Extra, do Rio de Janeiro e tudo indica que as mudanças começaram aceleradamente.

Pra quem não se lembra, assim que a Perlla voltou para igreja evangélica, rapidamente assinou um contrato com a gravadora do Malafaia, a Central Gospel Music. Ao lançar seu primeiro e único CD gospel, intitulado de "A minha vida mudou", a repercussão foi enorme e muitas críticas surgiram por seu novo estilo de vida.

Agora, a cantora do hit "Tremendo vacilão", retorna aos palcos do mundanismo e anuncia que somente irá cantar funk romântico, segundo informa em entrevista ao Portal Extra.

"Quero voltar a levar minha alegria para as pessoas. Antes, eu estava em outra vibe [Vibe???], com outros pensamentos, imaginava que não dava para conciliar a minha religião com essa carreira artística [onde está isso na bíblia? rsrsrs], mas descobri que posso continuar sendo a Perlla que eu sempre fui porque a saudade ficou. Recentemente, fiz um show para uma rádio e as pessoas pediram minha volta com muito carinho. Muita gente sempre me cobrou esse retorno, falava das turnês maravilhosas que eu fazia... Fiquei um tempo dedicada a minha família, mas decidi que agora, com minhas filhas maiores, é o momento de voltar", comenta a ex-levita para o Extra.  

Amém né?!! Que benção essa conciliação entre religião e cantar funk nas "noitadas" e em baladas (será que é gospel? nem!). Atualmente tudo pode no evangelicalismo. O que não pode é perder o membro da congregação, pois é menos um dízimo a receber... 

A notícia é bastante decepcionante para alguns fãs "cristãos", mas não chama tanta atenção, pois ninguém nunca ouvia falar da cantora no meio gospel.

Então, boa ida Perlla! Esperamos que você não fique abandonada na madrugada e seu parceiro não atenda o celular... rsrsrs

"DESERTO DA REVELAÇÃO" VEM AÍ...


E uma notícia que passou despercebida por aqui foi a escolha do título do novo álbum, já gravado, do grupo Diante do Trono.

"Deserto da Revelação" foi o nome escolhido pelo público, depois da líder de louvor, Ana Paula Valadão, do ministério realizar uma enquete participativa em sua página no facebook.

O novo disco foi gravado no mês de Junho, em Israel, mas precisamente nas terras da Jordânia. O grupo passou por muitos lugares "espirituais" e simbólicos, como diz a "rainha" e somente por alguns vídeos divulgados na internet, a APV fez muitas caras e bocas proféticas para deixar tudo mais "real" e emocionante. As músicas-guias para as caravanas foram liberadas dias antes e claro, vazou na internet. O público ficou animado com várias canções inéditas e em breve, o G.A. mostrando mais novidades sobre essa viagem.

Durante as gravações, houve diversas falhas técnicas, colocando a "diva" dos valadetes para dublar... Em muitos momentos, a produção teve que "dar os seus pulos espirituais" e "improvisos", pois estamos falando de uma gravação internacional e com difícil acesso a logística.

No grupo oficial do facebook do Diante do Trono, os valadetes estavam apreensivos com alguns vídeos divulgados e muitas críticas/embates rolaram entre os membros. Muitos ficaram divididos com as novidades lançadas. 

A produção do CD/DVD está nas mãos do Alex Passos (ou balaio), o conhecido por fazer o álbum "Creio", onde intercalou cenas do show em Manaus com clipes gravados pelo estado do Amazonas. Bem chatinho e monótomo. Pela amor de Deus gente, não desmerecendo o trabalho do produtor, mas já deu né APV?!! Poderia mudar!!!

Pelos vídeos, parece que este CD vai ser no mesmo estilo do "Creio" e do "Tetelestai". Oremos por essa causa (já perdida?).

E aí? Estão gostado das novidades?! Será que esse novo cd vai cair na boca do público ou "flopar" mais uma vez?!

APRESENTAÇÃO NOTA DEZ!


Quando a gente imagina que o resultado seria uma confusão de vozes, olha só o que acontece...

Saiu ontem, no último dia do mês de junho, mais um live session do quadro especial "Grandes Encontros" da MK Music. Dessa vez, o dueto foi interpretado pelo cantores Jairo Bonfim e a penteca Beatriz. Duas vozes distintas e com timbres bastante (bota "bastante" nisso) diferenciados.

Falando a verdade, nós achávamos que essa parceria não iria dar certo. Mas adivinha?!! Ficou surpreendente o dueto! 

A canção escolhida para celebrar a fase da MK nos anos de 1992-1993 foi "A vitória é nossa" do cantor e compositor Marco Aurélio, que até anos passados, fazia parte da gravadora Central Gospel. 

A junção das duas vozes trouxeram um misto de emoções. Beatriz com seu jeito "autoritária", entoando seus graves maravilhosos. Vejam o absurdo no minuto 2:22 do vídeo. Que potência vocal hein Bia?!

Jairo Bonfim, nem dar para comentar: Ficaram incríveis os falsetes e melismas entoados pelo cantor. O que foi aquilo!!!??? Uma voz impecável, porém desvalorizada pela gravadora. Bem que a Marina poderia começar a investir mais em cantores sem tanto suporte financeiro, né?! Impressionante a apresentação do Jairo!

A canção teve uma pegada mais pop, além de trazer uma ótima posição nas câmeras entre os cantores. Tudo organizado.

No geral, o clipe ficou nota 10. Parabéns a MK por proporcionar essa lembrança aos "mais antigos".

Quem quiser assistir, clica aqui.